Porto de Sines

Porto de Sines

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

"O Buraco Do Ozono"

O Azimute reentra com novo élan em 2013 e, na esperança de um ano melhor, deseja aos amigos um Bom Ano.


Esta tela, que a autora não titulou, foi concebida  por inspiração gradual mostrando a rotatividade da Natureza em que o Sol é Astro-Rei. 


Houve quem sugerisse intitulá-la de "O Buraco Do Ozono", chamando a atenção para a  preservação da Biodiversidade [Diversidade Da Natureza Viva] .

     
Aumentar o buraco do ozono até "sepultar a última árvore" é um risco, não obstante a "auspiciosa protecção dos Anjos" que nele zelam pela  regeneração da Natureza e conservação da sua Biodiversidade.


Tela: Regina d'Assis 
      [Técnica: Óleo s/ tela  Dimensões: 30x40 cm]

Texto: cajoco

Foto: cajoco

18 comentários:

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Jorge!

Bom ano Novo também para aqui; se possível melhor do que aquela que agora acabou - que bem precisados
estamos...

É um lindo quadro. E feliz e sugestiva é a expressão: "Até sepultar a última árvore" - que muita gente faz questão de não ler...e depois não vai haver anjos que cheguem para nos salvar...

Abraço amigo
Vitor

Tunin disse...

Feliz 2013!
Bom, o texto está magnífico. Bem traçado. A tela lindíssima e as fotos têm a assinatura inigualável desse grande fotógrafo, o Cajoco. O que dizer? É magistral!
Abração, querido.

Regina Rozenbaum disse...

E digamos AMÉM! E façamos nossa parte por esse planetinha azul! E tenhamos um 2013 próspero em tudo.
Beijuuss, estalando de novos, n.a.

Janita disse...

Esperemos que 2013 nos seja mais favorável em todos os aspectos, Amigo Jorge.
Adorei a tela e aquilo que ela representa, a preservação do meio ambiente. Oxalá que as gerações futuras possam contar com um Planeta onde a vida seja mais saudável e feliz.
Dizem, os entendidos que o buraco na camada de ozono está a diminuir; tomara que sim, já que é essa camada que filtra os raios solares ultravioleta, prejudiciais a todos os seres vivos na Terra.
Ou o Homem ganha juízo e aprende a viver de acordo com as suas necessidades sem comprometer o desenvolvimento sustentável, ou seja, preservando os recursos naturais, ou dentro em breve voltaremos ao tempo das cavernas.
:-)))

Beijinho, meu Amigo, saúde e alegria para si e todos que lhe são queridos.

Janita


vitorchuvashortstories disse...

Olá, Jorge!

Obrigado pelo magnífico comentário que lá deixou: autêntico relatório detalhado e minucioso, que li com imenso gosto; e que com pequenas nuances corresponde em quase tudo ao então praticado na casa dos meus pais e restante família, na dita matança do porco.

Um bom fim de semana, e um abraço amigo.

Vitor

Catarina disse...

Ultimamente nao tenho ouvido falar no buraco do ozono.
Gostei da tela.
Abraco

Maria Rodrigues disse...

Linda tela. Preservar a natureza e o meio ambiente tem de ser uma preocupação de todos nós. Pequenos gestos, fazem grandes diferenças.
Beijinhos
Maria

lis disse...

Oi Jorge
Passando e deixando um abraço .
A ausência é consequência das férias de verão ok?
boa semana e fico contente de te-lo ajudado um pouquinho com relação as fotos, aguarde que eles acabam aumentando seu espaço_ comigo aconteceu.
abraços Jorge

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Parece ser mesmo uma tela aviso de que os verdes do nosso planeta podem desaparecer.
Gosto das cores e desse sol onde constam as primeiras construções do homem - antas.

Portal de Blogs Teia disse...

Parabéns, gostei muito do seu espaço, tem muito assunto interessante.
Estarei sempre por aqui.
Até mais

oteador disse...

entrada sensibilizada con el medio ambiente para felicitar el año; buen año para ti tambien;saludos

redonda disse...

Gostei do texto e da tela (fez-me pensar em pintura naïf).
Um Bom Ano!

Angel Corrochano disse...

Me gusta la gama de colores tan intensos.
Un abrazo Jorge

Jorge disse...

Portal de Blogs Teia & Redonda, Bem-vindas a este espaço de partilha onde, para mim, todos são importantes.
Um abraço

redonda disse...

Obrigada :)
um beijinho e um bom Domingo
Gábi

José disse...

Bom dia Jorge!

Pois que o astro rei continuo brilhando e nos aquecendo, e que o homem ganho juízo, e que o buraco do ozono vá diminuindo.

Bom ano,
abraço
José.

Nita disse...

Passei, entrei, fui recebida com um sorriso, e resolvi ficar…

Jorge disse...

Nita,
Um sorriso é sempre uma expressão luminosa que proporciona bem-estar
e óptimo para lhe dar as boas-vindas.